Premiação do Concurso de Redação do Superior Tribunal de Justiça

Imagem da Notícia

No dia 22 de março, os estudantes da 2ª e 3ª séries tiveram a oportunidade de vivenciar, no Superior Tribunal de Justiça, o projeto socioeducativo “O despertar vocacional jurídico” que tem como objetivo ajudar os jovens na definição da carreira profissional, bem como identificar potenciais estudantes de Direito. Por meio de uma visita dirigida, o STJ se transformou em um verdadeiro laboratório para nossos alunos, num trabalho que buscou informar, apoiar e esclarecer as principais dúvidas deles e tornar a escolha profissional uma decisão mais autônoma e harmoniosa. Além disso, fez parte dessa visita também um passeio pela história do STJ, documentada no Museu da Casa, cujo objetivo foi mostrar a importância da preservação da memória do país, destacando a relevância dos valores e atitudes necessárias ao pleno exercício da cidadania.

Nesse programa os jovens são incentivados a desenvolver o tema da cidadania sob forma de redações e atividades artísticas. Foi proposto que os alunos participassem do concurso de redação promovido pelo STJ e nossos alunos toparam o desafio.

Rosimeri, professora de Redação, relatou como desenvolveu a proposta da redação em sala de aula:  “Os estudantes refletiram e debateram sobre o tema proposto “Meio ambiente: Não parta, seja parte!” e iniciaram suas produções. Alguns preferiram elaborar textos dissertativo-argumentativos, outros produziram poemas e alguns optaram por desenvolver um texto visual, ou seja, imagens que ilustrassem o tema de forma expressiva e marcante. Assim, reescreveram seus textos para um melhor desempenho do trabalho. Leituras e conversas foram feitas no decorrer do trabalho, para enfatizar a importância da escrita e da leitura, assim como a visão crítica e de mundo que temos que ter perante a vida.

A partir dos trabalhos elaborados em sala, foram selecionados os que estavam de acordo com o edital e enviados ao STJ para que participassem do concurso. Foram 9000 participantes, 6000 redações e dia 27 de novembro, tivemos a honra de receber os servidores do STJ, senhora Andréa Alves Zabam, senhor Joabe Rocha e senhor Alisson Marinho, em nossa escola, para premiar a estudante Maria Eduarda Lopes de Jesus Macedo, da 2ª série A do Ensino Médio, por seu trabalho, um poema escrito com esmero e que nos fez refletir sobre assunto tão importante e pertinente à época que estamos vivendo.

Para tanto, contamos com a presença dos estudantes do Ensino Médio, da equipe gestora, do corpo docente da escola e dos pais da premiada, onde houve, além da premiação, uma apresentação musical representada pelos estudantes Gabriel Gomes e Ana Paula dos Santos, ambos da 3ª série A.

Nossos agradecimentos ao STJ, pela parceria, e a todos que trabalham para um projeto de excelência com nossos estudantes.

Galerias
Premiação do Concurso de Redação do Superior Tribunal de Justiça



Cadastramento Árvore de Livros
Agende uma VisitaBN Unifomes BN Listas de materiais 2018BN TarefasBN Roteiro de avaliaçõesBN Bolsas FilantropicasBN MatrículasAgenda VirtualFanpage - Cor JesuGuia do EstudanteWebmail
Relatório de Atividades 2016 IASCJ Entidade Filantrópica IASCJ
Galerias de Fotos
Revistas Digitais
  • Revista Cor Jesu em Movimento
  • Revista Escola em Pastoral
Vídeos